04/09/2011

Emigrantes no Luxemburgo festejam Nossa Senhora do Livramento e Nossa Senhora do Rosário

Esta é a primeira vez que a comunidade cabo-verdiana local festeja as padroeiras de duas das quatro freguesias do concelho da Ribeira Grande e a organização preparou um programa que integra uma "noite cabo-verdiana", no dia 23 de Setembro, com a participação de artistas da comunidade e dos grupos "Ká e Banda" e, ainda, "Repertório de amigos" que viajarão de Cabo Verde. O evento terá lugar no Centro Cultural Alen Tramsschap, Luxembourg-ville.

O sector cultural do programa conta também com a participação do grupo teatral Juventude em Marcha com uma peça a ser apresentada no domingo, dia 25, no mesmo Centro Cultural Alen Tramsschapp.

O desporto também marca presença no programa das festas de Nossa Senhora do Livramento e Nossa Senhora do Rosário, no Luxemburgo, com a realização de um torneio de futebol em que participação equipas que viajarão de Cabo Verde, dos Estados Unidos da América, de Portugal, da França e da Holanda para se juntarem a uma equipa local, isto no dia 24, pelas 11:00h.

O objectivo da iniciativa é promover a cultura cabo-verdiana no Grão-ducado do centro da Europa e "incentivar a comunidade cabo-verdiana, e não só, a participar nas eleições municipais de 9 de Outubro no Luxemburgo".

Por isso, as festas decorrerão sob o lema, "vivemos no Luxemburgo e também votamos cá" e pretende-se que, além de um momento de promoção cultural, seja ocasião de promoção da integração política da comunidade cabo-verdiana no Luxemburgo.

Fonte: Inforpress/HB

1 comentário:

Tome Barros disse...

Boa noite pessoal!
sou Cabo-verdiano, estou em Portugal e tenho estado a agendar uma visita a Luxemburgo, sei que existem alí muitos compatriotas meus. Estou a pedir algumas informações para os mais informados. Necessito que me indiquem aonde encontrar hoteis ou pensões mais baratos em Luxemburgo.
Caso estiverem dispostos a me ajudarem o meu email santbarros2011@hotmail.com ou santbarros2002@yahoo.com.br ou ainda móvel 910491463.

Obrigado manus e manas cauberdianos e cauberdianas. Nhôs fika fixe pa lá...
Obrigado!
Tomé Barros